Religião e psicanálise

Já ouvi dizer que religião e psicoterapia não combinam.  Não sei de onde surgiu isso mas, penso no quão infeliz foi quem falou uma coisa dessas.

Ainda que possa ser feito um estudo acerca das razões que levam pessoas a acreditarem em Deus ou na religião, isso não é objeto de desmonte ou de desintegração em um trabalho psicanalítico.  Religião pode, como muitas outras coisas, ter um papel na vida de uma pessoa ou não.  Cabe perguntar qual o papel daquilo que o paciente traz num atendimento e é isso que é importante.

“O que é importante” pode ser muita coisa, pode ser alguém, outra pessoa, algo dele próprio, uma coisa, algo sem nome e até religião e Deus.  Como a pessoa interage e como vai passar a interagir com isso no decorrer de uma análise é o que importa.

Deixe seu comentário ou entre em contato comigo!!!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.