Será que demora?

Uma análise não tem um tempo definido e nem é interessante que tenha. Sendo um espaço de escuta para o sujeito, significa que ele também precisa de um tempo para ir se havendo consigo próprio.

O tempo de sessão também é aberto e variável, cujas sessões podem demorar entre 20 a 60 minutos. Trata-se de cuidar do que está no inconsciente, de marcar algo importante e não de deixar um tempo delimitado e ao mesmo tempo livre para falar de coisas aleatórias.

A frequência costuma ser no mínimo, de uma vez por semana, pois a cada sessão vai-se mexer com resistências, coisas recalcadas. E se o intervalo for muito grande, há risco delas piorarem ou do paciente sequer manter um compromisso com o próprio tratamento.